Timber by EMSIEN-3 LTD
Terça, 25 Junho 2019 09:08

Mobilização de professores paralisa parte das atividades nas escolas estaduais do Paraná Destaque

Escrito por g1
Alunos ficaram sem algumas aulas no Instituto Educação Prof. César Prieto Martinez, em Ponta Grossa Alunos ficaram sem algumas aulas no Instituto Educação Prof. César Prieto Martinez, em Ponta Grossa Foto: Viviane Mallman/RPC

Uma mobilização dos professores da rede estadual do Paraná paralisou parte das atividades nas escolas do estado nesta terça-feira (25).

Uma greve foi convocada pelo Fórum das Entidades Sindicais (FES) por tempo indeterminado e parte dos professores não compareceram nas escolas para dar aulas.

De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores da Educação do Paraná (APP-Sindicato), 20 escolas da Região Metropolitana de Curitiba estão sem aulas.

Há registros de adesão à greve também em escolas de Curitiba, Ponta Grossa, Tibagi, Cianorte, Londrina e Cascavel. A APP-Sindicato, no entanto, não tem uma estimativa sobre quantos professores aderiram à paralisação e quantas escolas foram atingidas.

"Não temos piquete, a paralisação é por adesão, mas recomendamos que os pais não mandem seus filhos para a escola porque elas estão com funcionamento parcial, algumas sem merenda ou com serviço comprometido", afirmou o diretor da APP-Sindicato, Luis Fernando Rodrigues.

Em Curitiba, uma concentração dos professores que aderiram à greve está marcada para esta manhã em frente ao Palácio Iguaçu.

O sindicato dos professores reivindica reposição salarial. De acordo com o FES, os salários dos servidores estão congelados há quatro anos e a defasagem chega a 17%.

A Secretaria de Educação do Paraná informou que um balanço sobre o impacto da paralisação será divulgado às 11h.

Entre em Contato

Editores de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br
(67) 99913-8196
Lucas Bertoletti
Email: lucas@douranews.com.br
(45) 99931-7131

E-mail: jornaldetoledo@gmail.com